morauto_export Moto-Center-Bike_aprovado 10633A_banner_700x100px-3
camaralages_export
Participe pelo nosso WhatsApp

(49) 9 9119-9209

Hora local

WhatsApp-Image-2017-11-10-at-170436A chuva forte que caiu próximo ao meio dia desta sexta feira causou sérios estragos na cidade, principalmente para quem mora nas imediações do Lages Garden Shoppin. Por lá caiu muito granizo e deixou estragos. Nas encostas da Br 282 era visível o granizo acumulado. No Shopping, o peso do gelo fez desabar o teto nas dependências das Casas Bahia. Na verdade, a chuva que caiu, foi acima da média. A primeira vista, parece que o desassoreamento, feito dias atrás no rio Carahá, de nada serviu. O fluxo da água continua lento no leito do rio, o que não evitou que houvesse alagamentos em vias públicas de Lages, nos lugares de sempre. Diante da situação de alguns bairros, a Defesa Civil já está agilizando.

WhatsApp-Image-2017-11-10-at-123331

Tudo igual, nada funciona

WhatsApp-Image-2017-11-10-at-170438Por outro lado, o que estão indagando é o seguinte: porque os radares que o Governo diz ter instalado não previu a chuva de granizo? Ou seja, nada igual a nada. O desassoreamento do Carahá, também não adiantou em nada. Aliás, a emenda saiu pior que o soneto. A terra retirada do rio e de suas barrancas estão ocorrendo   rachaduras no asfalto, além de causar desmoronamentos que poderão atingir a pista, também pode representar perigo aos condutores de veículos. Vale lembrar que numa outra oportunidade, Notícias no Ato já denunciava a presença de rachaduras nas margens do rio Carahá em praticamente quase toda a extensão da avenida. Caso não tomem providências imediatas, os estragos poderão ser piores no futuro. 

WhatsApp-Image-2017-11-10-at-170437

WhatsApp-Image-2017-11-10-at-170438

WhatsApp-Image-2017-11-10-at-170438-1