//Judicialização da Iluminação Pública deixa cidade às escuras

Judicialização da Iluminação Pública deixa cidade às escuras

Empresa que ficou em segundo lugar entrou na Justiça contra a primeira e a 3ª entrou contra a 2ª e a 1ª colocada na licitação A reclamação da iluminação pública da cidade é generalizada, pois o setor de manutenção não consegue dar conta dos reparos. E para agravar ainda mais o problema, a licitação para escolher uma empresa que assuma o serviço está “empacada”
nas demandas judiciais.
Na Justiça
Para se ter noção do tamanho do problema, basta dizer que a 2ª colocada entrou na Justiça contra a 1ª, e a terceira entrou com ação contra a segunda e a primeira. Pelo visto, ainda vai levar um tempo até que a Procuradoria do Município consiga proclamar uma empresa vencedora, e que o serviço seja executado