morauto_export Moto-Center-Bike_aprovado 10633A_banner_700x100px-3
camaralages_export
Participe pelo nosso WhatsApp

(49) 9 9119-9209

Hora local

imagesCom a finalidade de proporcionar segurança e coibir a criminalidade no campo, a criação de uma Delegacia Rural poderá ser uma solução adequada. Essa possibilidade foi apresentada durante a reunião do Consel- Conselho de Segurança realizada no decorrer da semana. Segundo a Delegada Regional de Polícia, Luciana Rodermel, “baseados nas estruturas existentes no Rio Grande do Sul, que apresentam resultados promissores, acredito que a implantação de uma Delegacia Rural na nossa região seria de grande valia, tendo em vista os índices de furtos em propriedades rurais e casos de abigeato”, observou a Delegada Regional de Lages.
A solução ventilada durante a reunião do Conselho de Segurança de Lages (Consel), de certa forma tranqüilizaria os proprietários rurais, já que estão preocupados com o aumento do índice de criminalidade que vem aumentando a cada ano que passa.
Vale lembrar que, mesmo existindo um segmento da Polícia Militar denominado Patrulha Rural e a presença constante da Polícia Ambiental, assim como outras  instituições envolvidas na segurança, não tem evitado a incidência de delitos na zona rural, principalmente o crime de abigeato que vem acontecendo com freqüência.
Tomara que a idéia seja levada em consideração, e a proposta de se implantar a Delegacia Rural na região se transforme em realidade, com a finalidade de coibir as constantes ações de marginais na prática de delitos na zona rural que colocam o homem do campo em situação de vulnerabilidade.