//Casas pegam fogo e uma pessoa morre carbonizada

Casas pegam fogo e uma pessoa morre carbonizada

Um inquérito será instaurado pelas autoridades policiais de Lages para confirmar ou refutar a possibilidade de ação humana no incêndio residencial ocorrido na madrugada deste domingo pascoal, na Rua Aluízio de Azevedo, bairro Centenário em Lages. Na ocorrência um homem morreu carbonizado. O corpo foi encaminhado ao IML para exames de necropsia.

A Polícia Militar e Agentes da Divisão de Investigação Criminal de Lages, pautará os trabalhos investigativos com base em informações de populares, Corpo de Bombeiros e IGP. Segundo o morador João Luiz Ferreira, de 27 anos, por volta das 5h15min , seus vizinhos, Assis Carlos da Silva , de 49 anos, e seu filho, Jonathan Oliveira de Lima, de 25 anos, que possuía passagens pela polícia, por tráfico, furto e receptação, tiveram um arranca rabo(discussão), depois ficou uma calmaria, e a casa deles passou a pegar fogo, as chamas se alastraram rapidamente, João , chegou a pegar mangueira para jogar água, mas as labaredas se propagaram rapidamente, atingindo sua casa, de dois pavimentos. Ele tratou de retirar seu filho e sua esposa Karine da Silva Madruga, do local. Ambas as residências ficaram completamente destruídas. Os vizinhos informaram que a vítima fatal trata-se do cidadão Assis. Nas primeiras horas da manhã o filho da vítima Jonathan, foi visto seguindo rumo a chácara do Batistella. Familiares da suposta vítima, já compareceram ao Instituto Médico Legal (IML), para reconhecimento do corpo, devido estar carbonizado, apenas um exame de DNA vai confirmar a identidade da vítima, para liberação do corpo.