Granja Avícola Moraes recebe certificação para vender ovos em todo o Estado

A formalização do registro da Granja Avícola Moraes no Serviço de Inspeção Estadual – SIE ocorreu na tarde desta quarta-feira (27), na propriedade da família, no bairro Vila Nova, município de Ponte Alta.

O Certificado de Registro no SIE foi entregue pelo presidente da Cidasc, Plinio de Castro, e pelo prefeito municipal, Edson Julio Wollinger, de Ponte Alta, ao empresário Márcio Rodrigo Moraes e para sua esposa Laíla Moraes. Participaram também da solenidade o diretor de Defesa Agropecuária Diego Torres Severo; o gestor do Departamento Regional de Lages Diego Medeiros Gindri; a profissional da Epagri, Adelina Berns, no ato, representando a gerência regional da Epagri de Lages, e os profissionais da Cidasc de Lages.

Plinio de Castro se disse encantado com toda a estrutura da família Moraes. “ Hoje é um dia especial para nós como representantes públicos. Entregar mais um certificado representa que todos estão fazendo o dever de casa. Teremos no mercado um produto inspecionado, com qualidade diferenciada e com o aval do Governo do Estado, da Secretaria de Estado da Agricultura, através do trabalho importantíssimo feito pelos profissionais da Cidasc. E, particularmente, depois de tudo que presenciei aqui, tenho certeza que logo teremos mais uma empresa apta a aderir ao SISBI e comercializar em todo o país. Esse é o nosso desejo e a nossa missão como órgão de defesa, promover o desenvolvimento daqueles que querem empreender e com isso, gerar emprego e renda em solo catarinense”, afirmou Plinio.

O prefeito Edson Julio Wollinger parabenizou o empresário pelo empreendimento e agradeceu por ter escolhido o município de Ponte Alta para investir. “Para nós, todo investimento no município é importante e a Granja Avícola Moraes, a partir de hoje, representa para toda a nossa população garantia de emprego, de renda e de desenvolvimento para o município”, destacou o prefeito.

O selo do SIE, emitido pela Companhia Integrada de desenvolvimento Agrícola de Santa Catarina – Cidasc, Através do departamento Estadual de Inspeção de Produtos de Origem Animal – Deinp, garante que os produtos estão dentro dos padrões higiênico-sanitários previstos na legislação, agregando valor ao produto final e atestando a qualidade junto ao consumidor.

A Granja Avícola Moraes possui fábrica de ração própria, é totalmente automatizada e com previsão de produzir de 60 a 70 mil ovos por dia. A partir de agora poderá comercializar em todo o território catarinense, ampliando a possibilidade de novos negócios e de fomento da cadeia produtiva avícola, com a geração de mais emprego e renda no Estado.

Em seu discurso, Marcio Moraes destacou que o sonho está se concretizando graças ao trabalho da Cidasc, através do médico veterinário Alcenir Alves da Cruz e do apoio incondicional da sua esposa e dos seus pais. “Estamos abertos ao pessoal da Cidasc para sempre melhorar. Nesta área somos novatos, na avicultura estamos trabalhando há anos, mas a produção de ovos é totalmente diferente. Queremos e vamos fazer um produto totalmente diferenciado e com muita qualidade”, afirmou Moraes.

Fonte:JV Ascom 

Achou essa matéria interessante? Compartilhe!