//Carmen Zanotto destaca mais de R$ 100 milhões em habilitações durante evento de hospitais

Carmen Zanotto destaca mais de R$ 100 milhões em habilitações durante evento de hospitais


A deputada federal Carmen Zanotto (PPS) participou da solenidade de abertura do39º Encontro Catarinense de Hospitais, realizado pelo Instituto Santé,
juntamente com a Associação e Federação dos Hospitais e Federação das Santas
Casas e Hospitais Filantrópicos (AHESC-FEHOESC-FEHOSC). O evento ocorreu ontem
no Centrosul em Florianópolis.

Durante a sua fala a deputada Carmen Zanotto destacou os
recursos que os hospitais de Santa Catarina estão recebendo com as novas
habilitações. São mais de R$ 100 milhões anuais para diversos serviços de
saúde. Entre eles: tratamento do câncer, cardiologia, AVC, neurocirurgia
e ampliação de leitos de UTI, cuidados prolongados e leitos de retaguarda. Um trabalho realizado pela deputada Carmen representando o
Fórum Parlamentar Catarinense junto ao Ministério da Saúde.

“Destinamos
emendas aos hospitais, mas esses recursos não podem substituir o devido
pagamento, a remuneração adequada e a atualização da tabela do SUS. A própria
emenda destinada à algumas unidades gera distorção e desigualdade, pois os
critérios estabelecidos para a destinação das verbas nem sempre são corretos,
ressaltou. Carmen Zanotto falou sobre o seu trabalho em prol da Saúde, da
necessidade de ampliação do transporte aéreo, e parabenizou a todos os
colaboradores presentes no evento, por ultrapassarem desafios impostos, para
seguir uma vocação.

Comemorando 5 décadas da realização do primeiro
Encontro, o evento traz nessa edição o tema “Gestão Hospitalar – Presente &
Futuro”. A programação segue até sexta-feira (31).

Em seu discurso, o presidente da FEHOSC, Hilário Dalmann, abordou as principais
dificuldades enfrentadas pelo setor, entre elas, os atrasos nos pagamentos por
parte dos governos federal e estadual, além da defasagem histórica como a
tabela do SUS. Dalmann destacou que hoje, 81% dos hospitais catarinenses são
privados ou filantrópicos, e que os filantrópicos representam 90% das unidades
que atendem pelo Sistema Único de Saúde.

A solenidade de abertura contou com homenagens aos presidentes das três
entidades AHESC-FEHOESC-FEHOSC, Altamiro Bittencourt, Tércio Kasten e Hilário
Dalmann, pelo empenho e dedicação frente aos hospitais catarinenses. O
diretor-executivo da AHESC-FEHOESC, Braz Vieira também foi homenageado pelo
exemplar trabalho prestado em 25 anos atuando em prol da união das entidades. A
Sociedade Divina Providencia também foi exaltada pelos 116 anos prestados em
benefício da Saúde dos mais necessitados. Uma placa foi entregue para cada
homenageado.

Fonte: Saúde Catarinense