//Escolas da rede municipal de Lages são pioneiras no Estado em projeto de trânsito da PRF

Escolas da rede municipal de Lages são pioneiras no Estado em projeto de trânsito da PRF

Lages foi escolhida pela PRF de Santa Catarina para implantar o projeto pela receptividade e o acolhimento imediato da Prefeitura

Os alunos da rede municipal de ensino, de quatro escolas de Educação Básica: Frei Bernardino, no bairro Frei Rogério, São Vicente, bairro São Vicente, do distrito de Índios e Fausta Rath, do bairro Vila Mariza, participaram neste segundo semestre de um projeto pioneiro em Santa Catarina, desenvolvido pela Policia Rodoviária Federal, o Educar PRF. As equipes realizaram em sala de aula e nas ruas atividades voltadas à educação no trânsito.

Nesta terça feira (26 de novembro), na sala de cursos da Diretran, os alunos da EMEB Fausta Rath, apresentaram a devolutiva dos cinco meses de estudos e práticas. O projeto foi coordenado pelo professor José Bossle. Segundo o professor, durante este período, as turmas foram estimuladas a desenvolver análise crítica do trânsito no seu bairro e na cidade. “Nós incentivamos a leitura não verbal do trânsito nos percursos de deslocamentos dos nossos alunos, no entorno da escola, de suas casas e o comportamento dos motoristas, motociclistas, pedestres e as sinalizações, com o objetivo de humanizar o nosso trânsito” comentou o professor.

Durante a execução do projeto, os alunos passaram a acompanhar o comportamento dos motoristas e das pessoas em frente à escola. Após esta análise, formalizam um documento solicitando ao secretário de Planejamento e Obras, João Alberto Duarte, a construção de uma faixa elevada e o reforço na sinalização do trânsito com placas e pinturas.

O aluno do segundo ano, da escola Fausta Rath, João Vítor Costa dos Santos, 8 anos, disse que ele aprendeu durante as aulas que todos devem atravessar a rua pela faixa de pedestres e que não se deve tomar bebida com álcool e dirigir” e completou, “eu vi uma coisa muito errada, andar de moto sem capacete”.

A gerente de educação no Trânsito, Aracelly Kristhiany de Oliveira, informou que a Diretran, vai disponibilizar aos alunos, aulas práticas na pista educativa de trânsito, inaugurada pelo prefeito Antonio Ceron em setembro, possibilitando conduzir miniveículos e receber instruções de como dirigir corretamente. O engenheiro de trânsito da Secretaria de Planejamento e Obras, Sérgio Todeschini, evidenciou a importância dos alunos receberem durante praticamente um semestre aulas e desenvolveram a criticidade com relação ao trânsito.

Segundo o policial rodoviário federal, Magno Junior, da Delegacia de Lages, o objetivo do projeto é discutir transversalmente o trânsito com os alunos, não interferindo na parte didática da escola. “Nosso objetivo é tornar o estudo do trânsito um prazer e que possa ser assimilado continuamente. Cada aluno deve se tornar em um agente transformador” analisou.

Lages foi escolhida pela PRF de Santa Catarina para implantar o projeto pela receptividade e o acolhimento imediato da Prefeitura por meio da Secretaria de Educação. A diretora da escola Fausta Rath, a professora Cássia Giselle Cevey, classifica como fundamental o projeto na formação dos futuros motoristas e cidadãos.

Texto e fotos: Amarildo Volpato