Comunidade está ingerindo água de uma bica

As crianças, são as que mais estão sujeitas a serem contaminadas pelas impurezas contidas na água que consomem. Se bem que os adultos também correm riscos iguais. Afinal de contas, água sem ser tratada representa perigo a qualquer ser humano. Entretanto, mesmo correndo todos os riscos que isso representa, uma comunidade, composta por diversas famílias, residentes na localidade de Barreira, no município de Capão Alto, diante de uma situação ímpar, que são obrigadas a consumir o líquido precioso como se apresenta, pois não tem outra escolha.  A Prefeitura de Capão Alto, mantém um motor-bomba que faz a captação da água num poço semi-artesiano, levando-a até um recipiente, e a partir daí, em encanamento chega até às residências para ser consumida. No momento o motor estragou e ninguém tomou providências. Segundo o morador Nilton Rogério Silva, “essa situação já dura mais de 20 dias. Prometeram vir arrumar o motor e não compareceram. Crianças e adultos já ficaram doentes pelo consumo dessa água que está sendo captada de uma bica”, observou o cidadão.

Providências imediatas

A reportagem, preocupada com a situação, procurou entrar em contato com o prefeito de Capão Alto, Tito Freitas, o qual não foi encontrado. Entretanto, o que se tem informação é de que, o motor-bomba que faz a captação de água na localidade de Barreira é de propriedade da Prefeitura Municipal de Capão Alto, a qual não cobra pelo fornecimento de água aos moradores. O certo é que, providências imediatas devem ser tomadas por quem de direito. Lembrem-se: Água é vida. E somente é vida, quando tratada. Água poluída mata.

Achou essa matéria interessante? Compartilhe!

Deixe um comentário