Carmen participa de live para discutir temas relacionados à mulher

A candidata a prefeita de Lages, Carmen Zanotto (Cidadania) participou de uma live para debater temas relacionados à mulher. Durante o encontro, foram debatidos assuntos referentes às políticas públicas voltadas às mulheres, o combate à violência doméstica e a situação da Secretaria de Políticas da Mulher de Lages, dentre outros. O evento foi promovido pelo Conselho Municipal dos Direitos da Mulher (CMDM) de Lages.

Durante a reunião, Carmen disse que, como prefeita, pretende reforçar as políticas públicas para as mulheres. Ela afirmou que vai fortalecer a Secretaria de Políticas para Mulher, além de dar maior visibilidade à importância desta pasta. “Não tem como a gente retroceder, temos de avançar”, disse a candidata, ao ser questionada sobre como seu governo tratará a questão da secretaria.

Criada em 2017, a Secretaria de Políticas da Mulher garante atendimento para mulheres vítimas de violência doméstica, agressores e familiares. No total, a pasta já realizou 794 mulheres.

Carmen também comentou sobre os altos índices de violência contra a mulher, especialmente em Lages. Ela destacou que o problema precisa ser enfrentando com políticas públicas, tanto na assistência às vítimas como também na questão de prevenção. Para ela, o combate a este tipo de violência tem de começar na infância, por meio da educação das crianças.

Ela disse ainda que pretende garantir a ampliação da assistência às vítimas, priorizando a profissionalização delas por intermédio de cursos de qualificação. Segundo a postulante à prefeitura, é preciso que as mulheres tenham “independência financeira” como forma de ajudar a enfrentar a violência feminina.

Outros compromissos de campanha

Carmen cumpriu outros compromissos de campanha nesta segunda. Pela manhã, ela e seu vice da coligação “Trabalho e Amor por Lages”, Samuel Ramos (Democratas) estiveram no bairro Ferrovia. No local, a dupla visitou várias casas, conversou com eleitores, recebeu apoio e ouviu as reivindicações dos moradores.

A dupla também fez campanha no bairro Universitário, Bela Vista e se reuniu com alguns integrantes do movimento tradicionalista.

Achou essa matéria interessante? Compartilhe!