MEIs podem fazer a declaração anual com auxílio do Sebrae

A Declaração Anual do Simples Nacional para o Microempreendedor Individual (DASN-SIMEI) é obrigatória, como para toda pessoa jurídica. O prazo para declarar encerra no dia 31 de maio. Até esta data e para facilitar o preenchimento correto da documentação, o Serviço de Apoio às Micro e Pequenas Empresas (Sebrae/SC) disponibiliza consultores e especialistas para auxiliar os empresários.Quem não apresentar a declaração fica sujeito a pagar multa proporcional ao tempo de inadimplência e a receita bruta anual de seu negócio. “O processo é simples, mas alguns microempreendedores ainda ficam com dúvidas na hora de preencher. Por isso, é melhor procurar ajuda, pois informações erradas podem causar problemas no futuro”, alerta o coordenador regional do Sebrae, Altenir Agostini.O fotógrafo Fernando Von Reitz Conradi do Amaral não abre mão do apoio. Ele formalizou sua empresa, a Fomtography em 2015, por meio do Portal do Empreendedor. Desde então, sempre que surgem dúvidas ou sente necessidade de capacitação, procura o Sebrae. Na declaração de rendimentos não é diferente. “Faço a declaração todos os anos com a ajuda do Sebrae. Lá eles dão dicas, orientam sobre o que fazer e corrigem o que está errado”.Em Lages, existem 6.306 MEIs cadastradas e que devem fazem a declaração. O processo de declaração é totalmente gratuito e obrigatório para qualquer MEI. Para fazer a declaração o empreendedor deve informar os valores brutos faturados em 2017, o CNPJ da empresa e ter em mão seus documentos pessoais (RG E CPF). O documento deve ser preenchido exclusivamente pela internet no site www.portaldoempreendedor.gov.br.

Achou essa matéria interessante? Compartilhe!

Deixe um comentário