HNSP alerta para falta de sedativos para pacientes intubados

A falta de medicamentos usados em pacientes com Covid-19 em UTIs está colocando hospitais em alerta. Em Lages, o Hospital Nossa Senhora (HNSP) dos Prazeres emitiu uma nota alertando para um “iminente colapso na oferta de medicamentos destinados aos pacientes com coronavírus, decorrente do alto consumo de insumos para tratamento destes pacientes que comumente são intubados”. O alerta foi feito nesta sexta-feira (19).

De acordo com o hospital, a disponibilidade de medicamentos, em especial, sedativos, atingiu o seu limite crítico, o que poderá comprometer, nos próximos dias, o atendimento aos pacientes om coronavírus e os demais doentes intubados. A nota explica que não há, no mercado, disponibilidade destes medicamentos em quantitativos necessários.

“Todos os esforços de nossa equipes estão focados na aquisição destes medicamentos, porém, o cenário não se mostra positivo. Espera-se com este comunicado informar a todos que a situação do HNSP é crítica. Qualquer ação na tentativa de buscar soluções para o desabastecimento destes medicamentos será bem-vinda”, diz a nota assinada pela diretoria da unidade.

Achou essa matéria interessante? Compartilhe!