Via pública em situação caótica para mobilidade

Os moradores da Rua dos Franciscanos, no bairro Santo Antônio, em Lages, demonstraram suas preocupações pelo estado lamentável em que se encontra a dita via pública. Nossa reportagem atendeu a solicitação, e foi conferir de perto os fundamentos das reclamações.

Realmente, a rua dos Franciscanos, já se tornou mesmo “um caso franciscano”, como se dizia no ditado popular de antigamente, muito válido para os dias atuais. A verdade é que, soluções paliativas não resolvem as condições daquela rua, situada numa parte íngreme do perímetro urbano. Cascalhar apenas, sem passar o rolo, jamais terá o problema resolvido. E a solução correta a Secretaria de Obras sabe muito bem, simplesmente não o fazem. O morador Luciano Poroski, assim explicou à reportagem do Notícia no Ato: “Moro há 43 anos neste local, a cada dia que passa a Rua dos Franciscanos está piorando ainda mais, já fomos várias vezes à Secretaria de Obras para reclamar, somente obtemos promessas de que virão ao local, o que nunca acontece.

E também o vereador conhecido popularmente pelo “Tio Zé”, o qual ficou de nos ajudar, até agora nada. A situação aqui é crítica, principalmente quando chove, as ondulações são muitas, as famosas “costelas”, que colocam em risco o tráfego dos veículos, e até dos pedestres. Sem chuva, a poeira também incomoda”, explicou Luciano Poroski.

Achou essa matéria interessante? Compartilhe!