Vereador Leandro do Amendoim pede informações sobre obras paralisadas em Lages

A paralisação das obras da unidade básica de saúde Caça e Tiro/Vila Nova e do Ceim Centenário, em Lages, fruto do descaso Prefeitura com a população, é motivo do Pedido de Informação Nº 124/2021 do vereador Leandro do Amendoim (PL) feito ao Executivo. Os pedidos foram encaminhados ao prefeito Antonio Ceron.

Em relação ao posto de saúde, de acordo com o vereador, no dia 15 de abril, em visita à referida obra, foi constatada que a unidade encontra-se na fase somente do tapume, paralisada, apesar do valor orçado em R$ 1.058.371,18.

Por conta disso, o vereador pede informações em relação ao projeto estrutural da obra e sobre o porquê a construção ainda não se iniciou, uma vez que a data de início na placa é de dezembro de 2019. “Por que o Executivo promete um prazo de conclusão (novembro de 2020) que sabe que não irá cumprir?”, questiona o vereador.

O parlamentar também solicita informações sobre quantas pessoas esta unidade de saúde irá beneficiar, quantos empregos diretos irá gerar e também o número de empregos indiretos que deixou de gerar. Por fim, o vereador quer saber onde foi para o valor de R$ 1.058.371,18 indicado para a obra.

Obras do Ceim Centenário já deveriam estar prontas – O vereador Leandro do Amendoim também encaminhou ao prefeito Antonio Ceron Pedido de Informação Nº 125/2021 acerca da paralisação na obra do Ceim Centenário. Ele ressalta que, no dia 15 de abril, como prerrogativa de fiscalizar os atos do Poder Executivo, esteve visitando a obra da unidade escolar, que deveria estar concluída no dia 17 de marco de 2021, mas, segundo os moradores, aparentemente está paralisada desde janeiro de 2021.

Ele quer saber por que a obra encontra-se paralisada, qual o prazo para a finalização e a previsão para retomada dos serviços. Também solicita o projeto estrutural da unidade, o valor discriminado das fases da obra, o número de alunos que seriam beneficiados, quantos empregos diretos seriam gerados com esta obra e quantos empregos indiretos estão deixando de existir com esta paralisação.

O parlamentar lageano também que saber o porquê que o número de contrato 162020, informado na placa da obra, não consta dos registros do Portal de Transparência de Lages. “Solicito o comprovante de depósito do valor repassado para a conta do Município de Lages pelo Governo Federal”, finaliza.

Achou essa matéria interessante? Compartilhe!