Rua Coronel Córdova ganha nova pavimentação nesta quinta-feira

Asfaltamento do primeiro estágio – entre a interseção com as ruas Frei Rogério e João de Castro, e os calçadões da Praça João Costa e Túlio Fiúza de Carvalho – deve terminar ainda neste dia. Em junho será a vez da segunda parte, partindo dos calçadões, até a linha de interseção com a Praça Vidal Ramos Sênior (esquina com o espaço da frente do Terminal Urbano) e com a rua Manoel Thiago de Castro

A movimentação das máquinas nas obras da rua Coronel Córdova foi diferente nesta quinta-feira (13 de maio), no início da tarde começaram os trabalhos de execução da nova pavimentação asfáltica na via, antecedidos pelo depósito da base sobre o solo neste mesmo dia. Com tempo bom, as atividades foram examinadas pelo prefeito Antonio Ceron. O asfaltamento está associado ao padrão de modernizações da revitalização do centro da cidade de Lages.

Operários, servidores públicos da Secretaria do Planejamento e Obras de Lages, e maquinário pesado próprio do Município e empreitado, desenvolvem suas tarefas na implantação da camada única e definitiva de asfalto sobre a área. Toda a extensão, superior a 300 metros, será pavimentada. Nesta primeira etapa, o enfoque está no trecho de interseção com as ruas Frei Rogério e João de Castro, em frente à agência dos Correios, até os calçadões da Praça João Costa e Túlio Fiúza de Carvalho. A previsão da Secretaria do Planejamento e Obras é de que os serviços nesta fase sejam concluídos ainda nesta quinta-feira, pois as condições meteorológicas são favoráveis. O asfalto anterior foi retirado em decorrência das escavações para serem geradas as novas redes de drenagem pluvial, canalização (tubulação) de água potável e saneamento básico (esgotamento sanitário).

Posteriormente, em junho, em data que depende do andamento de evolução das obras, máquinas, caminhões e trabalhadores estarão com seus serviços de pavimentação asfáltica concentrados na lateral dos calçadões com avanço e término na linha de interseção com a Praça Vidal Ramos Sênior (esquina com o espaço da frente do Terminal Urbano) e com a rua Manoel Thiago de Castro, na parte baixa da via, onde está a agência do Banco do Brasil (BB). Até lá, os ofícios da empresa seguem em continuidade normal no local, centralizados na implantação dos passeios públicos (calçadas) em pedra-ferro (basalto) em ambos os lados da rua Coronel Córdova e dos estacionamentos aperfeiçoados em ambos os lados, em paver. Na sequência, será realizado o paisagismo e embelezamento.

Ao partir da penúltima semana de abril em diante, progride a colocação dos postes de iluminação em LED (Light Emitting Diode, em português, Diodo Emissor de Luz), pela empresa vencedora do processo licitatório das obras de revitalização do Centro, Terra Engenharia Ltda., em substituição aos postes de concreto das Centrais Elétricas de Santa Catarina (Celesc). Serão 40 postes ao longo da Coronel Córdova, nos dois lados da via e, no total, mais de 100, contando o Centro inteiro. Metade já foi fixada na Coronel Córdova, restando 20 para os próximos dias.

Sucessivamente, o novo Centro de Lages vai caindo no gosto popular. “O asfalto chama o olhar dos comerciantes e consumidores que passam pelo endereço. Logo teremos tudo completo e de excelente qualidade, uma estrutura de parâmetros para outros municípios brasileiros”, sintetiza o prefeito Antonio Ceron. As obras do Centro são permanentemente supervisionadas pelo secretário do Planejamento e Obras, João Alberto Duarte, e pelo diretor de Obras, engenheiro civil, Franco Schweitzer Mendes. A Secretaria fiscaliza o cumprimento do contrato com a terceirizada.

Você ainda não sabe o que vai ter no Centro? Facilidade para os veículos e mais espaço para os pedestres. Lazer, diversão e turismo  

A rua Coronel Córdova completa o conjunto de obras de inovações da área central de Lages e sua revitalização deverá ser concluída até julho deste ano, cumprindo-se o prazo de seis meses para as suas remodelações. O canteiro de obras foi ativado em 5 de janeiro deste ano, com o começo das operações a partir dos serviços de substituição total da canalização de fornecimento de água, a segunda rede mais antiga de Lages (a da rua Nereu Ramos era a mais antiga), e de saneamento básico, enquadrando-se a estrutura às demandas atuais do comércio e das residências, já que o município cresceu substancialmente nesta região.

A série de ciclos das obras no Centro capta sua etapa final na rua Coronel Córdova, obedecendo-se o projeto de padronização utilizado nas execuções na rua Nereu Ramos, portanto, são dotadas de nova pavimentação asfáltica; construção de novos passeios públicos em pedra-ferro (basalto), com acessibilidade; estacionamentos renovados em ambos os lados, em paver; mesas de jogos e cadeiras em concreto e bancos em madeira para lazer e descanso dos cidadãos; iluminação em LED, e, de início, substituição total das redes pluvial e de água potável com tubulação ampliada para oferecer mais vazão e garantir o abastecimento de água durante todos os dias do ano.

Uma rede complementar de água foi implantada com o intuito de reforçar a distribuição. As redes central e lateral (nas calçadas) estão interligadas e em funcionamento, atendendo todos os estabelecimentos comerciais, com normalidade, em uma vazão maior e com o dobro da capacidade anterior. As dimensões das calçadas foram ampliadas, com a finalidade de proporcionar maior segurança de pedestres em relação ao tráfego de veículos.

Com exceção do asfalto, estabelecido pela Secretaria do Planejamento e Obras, e das redes de água e saneamento básico, pela Secretaria Municipal de Águas e Saneamento (Semasa), todos os demais serviços são efetuados pela empresa Terra Engenharia Ltda., incluindo drenagem das águas das chuvas.

Eliminada a poluição visual dos postes e agora uma nova reurbanização geral com asfalto em todo o Centro

O Centro de Lages está ganhando uma cara nova, gradativamente, há aproximadamente cinco anos, quando primeiramente houve a implantação do sistema de cabeamento subterrâneo, possibilitando eliminação de toda a fiação aérea, seja de eletricidade (energia elétrica), telefonia, Internet e de TV a cabo. O emaranhado de fios desapareceu e hoje se estende por dutos subterrâneos que cruzam vias centrais e passam ao lado de praças públicas.

O complexo e arrojado projeto de reurbanização e modernização e melhor viabilidade da mobilidade urbana da área do Centro integra os calçadões da Praça João Costa e Túlio Fiúza de Carvalho, Praça João Ribeiro (Praça da Catedral Diocesana) e ruas Nereu Ramos e Coronel Córdova e trecho da Correia Pinto. Contudo, foram asfaltadas também as ruas Quintino Bocaiúva, Coronel Serafim de Moura e Martinho Nerbass, todas estas três anteriormente constituídas por paralelepípedos. Os trabalhos de revitalização são realizados pela empresa Terra Engenharia Ltda., mesma contratada para as obras de restauração do Mercado Público Municipal, a ser inaugurada no segundo semestre deste ano.

O valor das obras de revitalização do Centro como um todo totaliza em torno de R$ 13 milhões, provenientes de convênio entre o Governo do Estado de Santa Catarina e a prefeitura. Já as obras estruturais e arquitetônicas do Mercado Público partem de um investimento de R$ 6,3 milhões, e são executadas pela prefeitura de Lages em coalizão também ao Governo do Estado. Nas duas, são investidos recursos financeiros estaduais com contrapartida da prefeitura de Lages.

Texto: Daniele Mendes de Melo/Fotos: Toninho Vieira

Achou essa matéria interessante? Compartilhe!