Carmen Zanotto indica recursos para construção de pista de Skate

O Stake é um esporte que vem ganhando cada vez mais adeptos em Lages. Estima-se que pelo menos 300 adolescentes pratiquem o esporte na cidade, no entanto, muitos se frustram por não ter um espaço digno de uso. Pensando em atender as necessidades deste público, a deputada federal Carmen Zanotto indicou R$ 250 mil para ajudar na construção de uma pista de skate que possa receber competições estaduais e nacionais.

“O esporte é um agente transformador da sociedade, além de contribuir para que os nossos jovens tenham uma vida mais saudável. Recebi esse pedido no ano passado, e como tenho ajudado várias modalidades, entendi que o skate também precisa de incentivo, ressalta a parlamentar.

Uma pista adequada trará inúmeros benefícios esportivos, culturais e sociais que uma pista de skate trará a toda população do município.

“A construção de uma pista que visa abranger diversas modalidades de forma integradas, e também compreender os níveis desde iniciantes, os quais trarão novos adeptos ao esporte, até níveis mais avançados, que darão condições e suporte à evolução dos atletas a fim do crescimento esportivo e representação da cidade em campeonatos. Uma pista de skate adequada trará visibilidade, turismo e reconhecimento para cidade, além de dar suporte aos skatistas”, afirma o representante da Associação Lageana de Skateboard, Guilherme Carlos Barcelos.

Estudos estão sendo realizados para encontrar o melhor local para a construção da pista.

“Esse recurso vem para concretizar um sonho que há anos vem sendo deixado de lado, nenhum esporte tem ou teve que lutar tanto para ser incluído e ter um espaço digno, finalmente o skate terá um local adequado para a prática na serra catarinense. Nosso objetivo é a inclusão e o fomento do skateboard na cidade de Lages, não somente como esporte, mas visando reconhecimento, como canal de socialização positiva e inclusão social, gerando programas alternativos paralelos à educação formal, como escolinha de skate e outros programas sociais”, afirma Guilherme.

Foto: Arquivo/ Divulgação/Gabinete Carmen Zanotto

Achou essa matéria interessante? Compartilhe!