Assistência Social e Defesa Civil mobilizadas para enfrentar onda de frio

A Defesa Civil Regional, em parceria com as Secretarias Municipais de Assistência Social, Defesa Civil Municipal e assessoria de Assistência Social da Amures/Cisama, elaboraram no final da tarde desta segunda-feira (27), um fluxo para atendimento de pessoas em situação de vulnerabilidade social, em decorrência da onda de frio que se aproxima da Serra Catarinense.


A reunião por vídeo, foi coordenada pelo cabo do Corpo de Bombeiro Militar, Marcelo Minussi, coordenador Regional da Defesa Civil. Equipes nos 18 municípios abrangidos pela Amures estão monitorando e preparadas para acolher possíveis vítimas das baixas temperaturas em decorrência do frio de origem polar mais forte a alcançar a região neste ano. Ao todo, mais de 100 abrigos estão prontos para recepcionar pessoas em risco de hipotermia, segundo o assistente social da Amures/Cisama, Lauro dos Santos.


“Não apenas essas pessoas, mas também seus animais domésticos (pet`s), podem ser acolhidos nos abrigamentos. As pessoas terão uma boa cama, alimentos, roupas, chuveiro e ração para seus animais e poderão se manter aquecidos”, informa Lauro dos Santos. Os municípios com maior atenção a este problema são Lages, Painel, São Joaquim, Urubici, Bom Retiro, Rio Rufino e Urupema, onde a grande altitude propicia temperaturas mais baixas.
A chuva que antecede a queda de temperatura exige um alinhamento de ações com outros órgãos, como o Corpo de Bombeiros e Polícia Militar Rodoviária. Todas estas instituições estão atentas e monitorando não apenas as áreas de risco, mas o trânsito nas rodovias que tende a aumentar com o aumento da demanda turistas. Na maioria dos municípios estão sendo distribuídos kit de alimentação e higiene, lenha, cobertores e até madeiras para tapar frestas de casa. Inclusive viaturas do Samu estão de sobreaviso.
Nos municípios mais procurados da Serra Catarinense, está em curso a Operação Serra Mais Segura. A ação de inverno será reforçada neste período e abrange orientações às pessoas que circulam pela região. A Polícia Militar Rodoviária (PMRV) está reforçando o efetivo e colocando em prática também, a Operação Gelo na Pista, além de pontos de apoio nas barreiras que serão instaladas nos postos policiais caso ocorra a necessidade de fechamento de rodovias.

Achou essa matéria interessante? Compartilhe!