Lages recebe mais de R$700 mil através de emendas parlamentares para obras de infraestrutura e equipamentos

Os recursos serão utilizados na aquisição de equipamentos agrícolas, beneficiando pequenos e médios produtores rurais, e também na revitalização da Avenida 31 de Março, no bairro Guarujá

O prefeito Antonio Ceron e o vice Juliano Polese acompanharam a agenda do deputado federal Hélio Costa, que veio a Lages fazer a entrega de emendas parlamentares que ultrapassam os R$700 mil. Os recursos foram destinados à Secretaria de Agricultura e Pesca e para a Secretaria de Planejamento e Obras. “Agradecemos a atenção do deputado que, dentre 295 municípios catarinenses, está ajudando Lages com a entrega destas emendas que irão contribuir muito com o desenvolvimento da agricultura e infraestrutura da nossa cidade”, comenta o prefeito Ceron.

A primeira emenda, entregue na Secretaria da Agricultura e Pesca no valor de R$237.666,00, será utilizada na aquisição de equipamentos agrícolas para as Comunidades Rurais Organizadas (CROs) do município. “Realizamos uma pesquisa entre os presidentes das comunidades ruraise verificamos quais são as demandas de cada uma. Este recurso será destinado para suprir as deficiências de implementos agrícolas, beneficiando pequenos e médios agricultores”, conta o secretário da Agricultura, Thiago Henrique Cordeiro.

O dinheiro será administrado pela União Rural de Lages – Unir, que através de uma chamada pública passou a gerenciar as comunidades rurais. Os equipamentos adquiridos pela prefeitura serão repassados a eles com um termo de cessão de uso, comresponsabilidade de manutenção da própria Unir.

Avenida 31 de Março será revitalizada

A segunda emenda entregue pelo deputado Hélio Costa, no valor de R$ 500 mil, será destinada para a revitalização da Avenida 31 de Março, no bairro Guarujá. Segundo o secretário de Planejamento e Obras, João Alberto Duarte, a obra está em fase de pré-projeto, com definições do que poderá ser feito na avenida.

A ideia inicial é fazer o alargamento do canteiro central para a implantação de uma ciclovia ao longo da avenida, que tem aproximadamente um quilômetro e meio de extensão. Também será revitalizada a parte dos meios-fios da avenida. “Será uma obra rápida, pois pretendemos trabalhar com equipes próprias da prefeitura, sem a necessidade de licitação para contratação de empresa, agilizando os serviços”, conta o secretário João Alberto.

Texto: Aline Tives/Fotos: Aline Borba

Achou essa matéria interessante? Compartilhe!