Primeiro encontro de Procuradorias da Mulher de Santa Catarina

Procuradorias se reúnem para unificar o modo de atuação em todo o estado.

Aconteceu na última quarta-feira, 27, o primeiro Encontro de Procuradorias da Mulher de Santa Catarina. O evento foi realizado na sede da Assembleia Legislativa, em Florianópolis, e contou com a participação de mais de cem mulheres. Palestras e apresentações de projetos serviram para unificar a forma de atuação das procuradorias. para tanto, foi entregue um formulário único de atendimento para facilitar o acolhimento em cada sede.

Na ocasião também foi apresentado o Observatório Estadual de Violência Contra a Mulher, o qual pode ser alimentado pelas procuradorias em Santa Catarina. Além de clarear a comunicação entre as entidades já instauradas, também foi realizado o auxílio de informações para os municípios que ainda não têm sua procuradoria em funcionamento.

Representando a Procuradoria da Mulher de Lages, a vereadora Suzana Duarte (Cidadania) participou da programação junto de importantes figuras políticas femininas como as deputadas estaduais Ada de Luca, também procuradora especial da Mulher na Assembleia Legislativa de Santa Catarina (Alesc), Marlene Fengler, procuradora adjunta no órgão supracitado, e Luciane Carminatti; a cordenadora do Núcleo de Promoção e Defesa dos Direitos da Mulher (Nudem), Anne Teive Auras; além da participação virtual da deputada federal Carmen Zanotto. “O evento superou as expectativas”, comenta Suzana.

A Procuradoria Especial da Mulher defende a igualdade de gênero, de representação e o empoderamento feminino, bem como o enfrentamento de todas as formas de violência contra a mulher. Entre as ações estão: recebimento de denúncias; fiscalização e acompanhamento dos programas de assistência; promoção de campanhas educativas; pesquisas, estudos e seminários com temáticas da discriminação e violência contra a mulher.

Julia Adhara – Jornalista/Fotos: Arquivo pessoal

Achou essa matéria interessante? Compartilhe!