//Pipocam acusações contra Tito Freitas prefeito de Capão Alto

Pipocam acusações contra Tito Freitas prefeito de Capão Alto

Dias atrás elogiamos abertamente a administração do prefeito de Capão Alto, conhecido por “Tito Freitas”. Hoje, para surpresa do Notícia no Ato, e para mais uma decepção com envolvimentos em corrupção, lamentavelmente temos que informar sobre atitudes desonestas acontecidas aqui, debaixo dos nossos narizes. E justamente com ele, Tito Freitas, que tanto tínhamos em bom conceito.

Quem diria heim prefeito Tito?

Até dias atrás, colocaríamos a mão no fogo pela sua honestidade na administração municipal. Triste realidade termos que chegar à conclusão de que, políticos honestos estão em fase de extinção. Hoje, uma notícia levada ao ar pela Rádio Clube, a cargo do repórter Daniel Goulart só nos deu a certeza e veio reforçar a tese de que não existe político honesto. É como diz o ditado: “o  bom político nasceu morto”. Que nos perdoe, representantes da nossa região por mesclar e generalizar numa situação que nos deixa envergonhados e entristecidos.Como iniciamos a dizer, hoje, quem estava com seu rádio ligado e sintonizado na Rádio Clube, ouviu, em alto e bom som, o repórter Daniel Goulart afirmar categoricamente que a Prefeitura Municipal de Capão Alto gastou. Sim gastou, R$ 65.775,00 somente com diárias. Inclusive, com uma viagem do prefeito Tito Freitas a Urubici para fazer parte da Abertura Oficial da Fenahort. Isso a pouco tempo!

Até defunto está envergonhado

Prefeito Tito, onde está o seu bom senso e a sua imponente moral tão defendida a unhas e dentes quando se fez necessário? Caiu por terra prefeito. Se foi ao chão! Que vergonha Tito Freitas! Imaginamos como não devem estar sentido os bons e honestos capãoaltenses. Devem estar envergonhados do prefeito que têm. É coisa que até defunto se vira no caixão. Outra coisa prefeito! Ir a Brasília e gastar R$ 7 mil. É de se indagar: tomou alguns tragos com o Temer por lá, em algum bom restaurante da Capital Federal? Só pode!

E quem disse que vice não manda?

Em Capão Alto, agora quase tudo é possível. Ou melhor, na Prefeitura Municipal. O município e os bons capãoaltenses nada têm a ver com as falcatruas do prefeito e seus asseclas. O fato é que,  o tal vice prefeito pegou diária de R$ 500 para buscar 20 cestas básicas da Fundação Nova Vida em Florianópolis. E tem mais! Gastou R$ 9 mil em duas viagens que fez a Brasília. Vice ligeiro né!

E o MP vai se pronunciar?

Também o repórter Daniel Goulart, informou que o prefeito Tito Freitas tem parentes que trabalham na Prefeitura Municipal de Capão Alto. Diz aí Tito Freitas, isso é verdade mesmo? Cuidado!!!

Perguntar não ofende! Porque mudou tanto Tito Freitas? Será que nas suas administrações passadas também correram soltas as corrupções, sem que ninguém percebesse, fechando a contabilidade como se fazem por aí em outras prefeituras deste País?

Abra o olho prefeito! Com certeza o MP (Ministério Público) não vai deixar barato essas notícias. E com razão! Se for verdade, fostes longe demais!