Homem acusado de triplo homicídio em Alfredo Wagner será julgado nesta quinta

Arno Cabral Filho, acusado de ter matado Carlos Alberto Tuneu, Loraci Mathes, e o filho do casal, Mateo Tuneu, há um ano em Alfredo Wagner irá a júri popular nesta quinta-feira (27), a partir das 9h. A sessão ocorrerá na Escola de Ensino Médio Valmir Omarques Nunes, em Bom Retiro, e será restrita a quem irá atuar no julgamento. Os trabalhos serão presididos pelo juiz Edison Alvanir Anjos de Oliveira Júnior.


Pela denúncia do Ministério Público, as mortes foram provocadas com golpes de instrumento contundente ou corto-contundente na região da cabeça das vítimas. Os delitos foram cometidos por motivo fútil, visto que o denunciado era conhecido da família e tinha desavenças com o casal em decorrência de uma dívida.
A acusação também atribui as qualificadoras de meio cruel e recurso que dificultou ou impossibilitou a defesa das vítimas. Ainda, que por duas vezes o acusado agiu de forma a assegurar a impunidade de outros crimes, além de que uma vítima tinha menos de 14 anos e outra, mais de 60 anos de idade.
Para a sessão, todos os protocolos de segurança contra o coronavírus serão respeitados, como determinam os órgãos de saúde. O réu está recolhido no Presídio Regional de Lages desde agosto de 2019 e deverá ser levado a Bom Retiro para o julgamento. O processo tramita em segredo de justiça.

Achou essa matéria interessante? Compartilhe!