Símbolo de um tempo, selo postal comemorativo marca os 130 anos do Tribunal de Justiça

O lançamento do selo comemorativo dos 130 anos do Tribunal de Justiça de Santa Catarina, ocorrido nesta quarta-feira (20/10), transforma a data em símbolo de um tempo e imortaliza a importância da Justiça Estadual para a sociedade brasileira. O selo personalizado dos Correios se torna fonte de conhecimento e cumpre relevante papel sociocultural.


O ato iniciou com a selagem e carimbagem de um cartão. A obliteração foi feita pelo presidente do PJSC, desembargador Ricardo Roesler, na presença de outros desembargadores e acompanhada por servidores e convidados. Na oportunidade, foi apresentada a folha que traz 12 selos do símbolo comemorativo com arte que representa solidez e força, desenvolvida pelo Núcleo de Comunicação do PJSC. Com predominância do negro em sua composição, ela tem ainda a cor dourada, que transmite grandes ideias, sabedoria e conhecimento, na busca de exaltar a memória do Judiciário catarinense.
Na era digital, os selos impressos se tornaram ainda mais significativos pelo aspecto histórico que representam. Com esta fala, o presidente Ricardo Roesler fez um apanhado histórico do uso da filatelia no mundo. “Estes pequenos símbolos são detalhes de um grande acontecimento, como este que vivemos hoje. Os selos se tornam item de colecionador e um contador de história único. Agradecemos aos Correios por entenderem a importância da nossa história”, registrou.
O presidente dos Correios, general Floriano Peixoto Vieira Neto, participou da solenidade por videoconferência, de Brasília-DF. Ele reforça que por meio dos selos é possível estudar e compreender a evolução da sociedade. “Com lançamento dessa peça, os Correios reconhecem o trabalho desenvolvido pelo Tribunal de Justiça de Santa Catarina ao longo destas 13 décadas, tornando-se exemplo de retidão, qualidade e inovação”, destacou.
Representante da Superintendência Estadual dos Correios em Santa Catarina, o diretor em exercício, Eduardo Calliari, pontuou como relevante a emissão filatélica para os Correios. “Para nós é motivo de orgulho homenagear a atuação dedicada e responsável de uma instituição em prol do espírito público e de justiça na sociedade catarinense. Este selo é a preservação da memória e perpetuação do trabalho de excelência realizado pelo Tribunal de Justiça de Santa Catarina”, comentou.

NCI/TJSC

Achou essa matéria interessante? Compartilhe!