//Presidiário com tornozeleira eletrônica tem CPF cancelado em Rio Rufino

Presidiário com tornozeleira eletrônica tem CPF cancelado em Rio Rufino

Luiz Carlos da Rosa, de 39anos, presidiário, com tornozeleira eletrônica, que deveria obedecer as regras da lei, e não sair de casa, foi morto na manhã desta sexta-feira(05), na localidade de Rio do Leste, em Rio Rufino.

Segundo testemunhas, Luiz estava na casa de Luiz José da Rosa, de 60anos, ambos encheram os canecos de tragos,
pela manhã, Luiz foi até a casa de um tal de “Claudinho”, e pediu para que o levasse até o Centro de Rio Rufino, como Claudinho, se recusou, Luiz virou no dianho, voltou para a casa de Luiz José, e desceu o pé na porta. José, adviertiu, pare com isso homi, vá para sua casa e pare de incomodar. Luiz, não parou e entrou porta adentro, quando levou uma balaço no peito e caiu duro ao chão.
José, após matar o parceiro, zarpou em rumo ignorado. A Polícia Militar , Civil e IGP estiveram no local. O corpo foi encaminhado ao IML.