PF combate disseminação de pornografia infantojuvenil em Caçador

Caçador/SC – A Polícia Federal de Lages cumpriu nesta quinta-feira (13/1) dois mandados de busca e apreensão, visando reprimir o armazenamento e a divulgação de imagens e vídeos de exploração sexual de crianças e adolescentes por meio da internet, nas cidades de Curitiba/PR e Caçador/SC.

Durante as investigações, iniciadas em julho de 2021, foi realizado o monitoramento de um dos suspeitos de armazenar e compartilhar centenas de arquivos contendo imagens e vídeos de abuso sexual infantojuvenil. Segundo apurado, os crimes vinham sendo praticados há mais de 18 meses.

No cumprimento das buscas, um homem foi autuado em flagrante delito por estar praticando o crime previsto no art. 241-A do Estatuto da Criança e do Adolescente, por armazenar e disponibilizar material de pornografia infantil na internet. As equipes policiais também apreenderam diversos equipamentos eletrônicos possivelmente utilizados pelos investigados nas condutas criminosas. O detido foi conduzido para a sede da PF em Lages para lavratura do respectivo auto de prisão em flagrante e, ao final, será encaminhado ao sistema prisional estadual, onde permanecerá à disposição da Justiça.

Os investigados poderão ser indiciados pela prática dos delitos de armazenamento, disponibilização e divulgação de material de pornografia e exploração sexual infantojuvenil pela internet, cujas penas, somadas, podem ultrapassar dez anos de prisão.

Comunicação Social da Polícia Federal em Lages/SC 

gab.lge.sc@pf.gov.br 

Contato: (49) 3251-6200Fonte: Polícia Federal

Achou essa matéria interessante? Compartilhe!