//Atitude desrespeitosa e truculenta causa indignação na imprensa

Atitude desrespeitosa e truculenta causa indignação na imprensa

Ontem, dia, 20, quarta-feira, aconteceu uma reunião com os pais de alunos da Escola São Judas em Lages. Na oportunidade o assunto em pauta era sobre a morte de uma aluna vítima de meningite bacteriana, o que, na verdade, era de interesse da comunidade. E, por essa circunstância, o Correio Lageano enviou uma repórter para fazer a cobertura jornalística daquela reunião, já que, anteriormente a  Sumaya Pucci, da Vigilância Epidemiológica, havia solicitado a presença de um integrante desse veículo de comunicação na dita reunião. Por sua vez, a repórter Suzana Küster foi designada para comparecer àquele local. Lá chegando, ao entrar no estabelecimento de ensino, de forma truculenta e desrespeitosa a coordenadora da Educação Cláudia Maris Coelho Pezzi não permitiu que a repórter permanecesse nas dependências da escola. E, ainda numa atitude selvagem colocou Suzana Küster para fora do estabelecimento de ensino, orientando ainda um segurança para que permanecesse ao lado da repórter evitando assim que ela presenciasse a reunião.

Repúdio

Notícia no Ato condena veementemente a atitude descabida e desnecessária de Claudia Maris Coelho Pezzi. Não se pode admitir que em pleno século XXI ainda exista alguém querendo cercear a liberdade de expressão de forma brutal, numa clara atitude ditatorial querendo amordaçar um integrante da imprensa que apenas estava exercendo sua função de bem informar a comunidade.  Espera-se que, a competente secretária de Educação do Estado tome as devidas providências com rigor, pois é inadmissível o inadequado procedimento da Coordenadora Claudia Maris Coelho Pezzi. Um verdadeiro abuso de autoridade. Uma lastimável forma de agir que denigre a imagem de uma instituição municipal. É de bom alvitre que a coordenadora da Educação lembre-se que, vivemos em plena era democrática, onde a informação é dinâmica, e que atitudes como essa torna-se inadmissível. Portanto, deixamos registrado o repúdio pela ação desequilibrada de Claudia Maris Coelho Pezzi. Assim como aproveitamos o ensejo para apresentar o apoio incondicional à repórter Suzana Küster do Correio Lageano.