Zelar pela conservação do monumento Cacimba, é cuidar da memória de Lages

O Monumento conhecido por “Cacimba”, um dos mais antigos de Lages, já merecia uma limpeza de verdade. Um cuidado especial no dia a dia. Parabéns à Secretaria dos Serviços Públicos e do Meio Ambiente pela feliz iniciativa. Aquele local, foi testemunha de muitas lendas, conversas jogadas ao vento, bate-papo de amigos, quem sabe, até de muitas lágrimas que rolaram pela face de alguém, em dias que já se vão ao longe. Um verdadeiro acervo da história de Lages. Há tempo faz por merecer um cuidado especial. Sempre. Preservar a história, é cuidar da vida da cidade.Por essa, e outras razões, aqui registramos uma sugestão; aliás, válida para todos os logradouros da cidade. Porém, hoje, estamos em defesa da Cacimba. A nossa preocupação.

Esse monumento está localizado à frente de uma empresa, uma das maiores de Lages. Na atividade comercial é a líder. Tem a incumbência de entrar, sem pedir licença, em qualquer lar, de qualquer família de Lages e região, levando notícias, entretenimento, cultura, etc. É ali, naquele local, onde estão implantadas importantes empresas do Grupo Sistema Catarinense de Comunicação: uma delas, a Rádio Clube de Lages, com mais de meio século de existência. É a responsável pela formação de opiniões perante a população serrana. Presta relevante serviço à comunidade local e regional. Pela importância desse empreendimento, o Grupo SCC, voltado exclusivamente a serviço da comunicação, só poderia ter no comando, alguém dotado de competência e capacidade de vislumbrar um horizonte profícuo e alvissareiro para a cidade de Lages. Ele, Roberto Amaral, popularmente conhecido por “Engenheiro Roberto Amaral”, a quem temos o profundo respeito e consideração. Um cidadão íntegro, digno, probo. Seus ideais são amplos, abrangentes. Uma herança inconteste deixada pelo seu progenitor Carlos Jofre do Amaral, cidadão ilustre que a população lageana reverência pelas benéficas ações realizadas no passado, deixando ao seu filho, a incumbência de levar avante seus ideais de comunicação social. Lages agradece. Sem dúvida!

Em frente ao prédio do SCC, está a Cacimba, suja, jogada às traças, como se diz no velho adágio popular. A esperança é de que alguém faça uma boa ação, ou seja, ADOTE a Cacimba, para manter viva um capítulo da memória de Lages. Portanto, sugerimos ao Roberto do Amaral, cidadão que sonha e respira um dia ser prefeito de Lages ou deputado estadual, que faça ou que aceite a benéfica ação de ADOTAR A CACIMBA, pois assim estarás dando vida à história de Lages, através de uma memória tipificada neste monumento que, não deve e não pode desaparecer. Pelo contrário, tem que ser indelével no dia a dia na vida da população de Lages.

Os lageanos te agradece Amaral.

Achou essa matéria interessante? Compartilhe!

Deixe um comentário