//Jogos Comunitários de Lages são abertos com receptividade de atletas e emoção aos homenageados responsáveis pela batalha em defesa ao esporte

Jogos Comunitários de Lages são abertos com receptividade de atletas e emoção aos homenageados responsáveis pela batalha em defesa ao esporte

As disputas do futsal masculino irão estrear a edição dos Jocol 2020 no dia 16 de março. As séries B e C do futebol de campo e futebol suíço no dia 21 deste mês, e a Série A no dia 20 de junho. Os Jocol terão cinco mil atletas em 21 modalidades

No início da noite deste sábado (14 de março), os portões do Estádio Municipal Vidal Ramos Júnior foram escancarados para receber os apaixonados pelo esporte, atletas, dirigentes, famílias e público em geral nas arquibancadas. Foi dado o primeiro passo para a maior iniciativa de integração entre bairros da cidade de Lages, um patrimônio esportivo, cultural e social, os Jogos Comunitários de Lages (Jocol). Ao todo serão 21 modalidades em competição e o propósito maior é exercitar o espírito de equipe e a amizade coletiva entre pessoas que durante a semana desenvolvem outras atividades, mas adoram o esporte, e pessoas que jogam ou já jogaram profissionalmente em algum lugar do mundo.

O evento foi liderado pelo vice-prefeito, Juliano Polese e contou com a participação do superintendente da Fundação Municipal de Esportes (FME), Renato Nunes de Oliveira Junior (Renatinho Junior); presidente do Conselho Municipal do Esporte, Tyrone Machado, e o representante das equipes dos Jocol, Edson Roberto Sartori. Um dos pontos altos do evento já de cara foi a entrada das equipes participantes de 2020, representadas por seus dirigentes e atletas, ao som do Hino do Jocol, então acomodadas na arquibancada do Estádio Municipal. Famílias e público geral prestigiaram a solenidade de abertura oficial. A cerimônia foi consolidada pelo acendimento da pira olímpica pela tocha conduzida por atleta da HandLages. Incentivadora do esporte em Lages e atleta de voleibol, Régia Fávero proferiu o Juramento do Atleta, demonstrando o comprometimento, disciplina e espírito de lealdade.

Os Jocol 2020 serão formados por 24 equipes na Série A, 21 na Série B; 27 na Série C, e 20 equipes de outras modalidades. “As novas gerações precisam de bons exemplos e em quem se espelhar para vivenciar conceitos explícitos no esporte, como a obediência e o trabalho coletivo. Os Jogos Comunitários têm alta adesão e reúne grandes histórias de excelentes talentos. Estamos aqui para escrever mais esta página e nossa intenção é de uma edição de paz e inesquecível aos desportistas”, reitera o prefeito Antonio Ceron, que por anos se dedicou ao esporte, mais precisamente ao futebol de campo, incluindo o Internacional de Lages.

Por mais de quatro décadas os Jogos Comunitários de Lages atuam na construção da sociedade através do esporte, atribuindo conceitos e agregando valores, além da evolução da formatação técnica e nominal com o propósito de oportunizar uma melhor prática desportiva aos lageanos, e a transmissão de princípios éticos. Comportamentais de lealdade, respeito, coletividade e competitividade de união. Nos últimos anos percebeu-se uma adaptabilidade econômica, fazendo com que as equipes se adaptem sem perder o ânimo e a garra para competir com alegria e concentração.

O vice-prefeito, Juliano Polese, que também é atleta de futebol de campo, acredita ser “uma grande confraternização, acima da disputa por pontos. Este ano atendemos a um pedido especial, que foi a retomada da Série C e a prefeitura tem certeza de que será um espetáculo, além de uma festa entre amigos. Jamais podemos deixar o esporte amador morrer, mas fazer o máximo para ser fortalecido a cada ano”.

Assim como no ano passado, em 2020 houve a partida da Recopa Lages Troféu Zanoello. A Taça Zanoello Recopa Lages, disputada em jogo único entre o campeão da Série A de 2019 (Atlético Honolulu) e o campeão da Série B 2019 (Figueirinha F.C.), acontecido logo após a cerimônia de abertura, cujo campeão foi o Atlético Honolulu nos pênaltis, por 4 a 2, pois no tempo normal houve empate em 1 a 1. O troféu configura uma homenagem a Lages, com a estampa da bandeira do maior município de Santa Catarina em extensão territorial. Mais cedo, à tarde, houve a Corrida Rústica dos Jocol com largada e chegada no Estádio Municipal, na qual 400 atletas se inscreveram. “Procuramos atender a todos os gostos e estilos de esporte, agradando a variadas faixas etárias. Torcemos para uma edição recheada de bons resultados, grandes lições de aprendizado e evolução ”, resume o superintendente da FME, Renato Nunes de Oliveira Junior.

No protocolo oficial, agradecimentos aos seguintes colaboradores: Secretarias da Administração e Fazenda; Municipal de Águas e Saneamento (Semasa); de Serviços Públicos e Meio Ambiente e da Saúde, Coordenadoria de Segurança Pública, Diretoria de Trânsito (Diretran), Coordenadoria de Comunicação Social, Fundação Municipal de Esportes (FME), 6º Batalhão de Polícia Militar (PM), 5º Batalhão de Bombeiro Militar (BBM) e Supermercados Myatã.

Uma noite de brilhantismo a quem batalha pelo esporte

Levantar as placas e posar para fotografias que eternizam este momento foi o ápice da abertura. Os homenageados emprestam seus nomes aos troféus de 1º, 2º e 3º lugares. O troféu de 1º lugar geral Celso Aurélio – jornalista esportivo lembra Celso Aurélio Arruda Branco, nascido em Lages no dia 15 de fevereiro de 1961, filho de José Sebastião de Oliveira Branco e Armandina Arruda Branco.

Trabalha na área da comunicação desde 1980, quando iniciou na produção televisiva na antiga TV Planalto. Foi colaborador das rádios Difusora, Diário da Manhã, Guri, Princesa, Clube de Lages, Clube de Indaial e Correspondente da Legião da Boa Vontade (LBV). Cronista esportivo do Jornal Correio Lageano, Jornal O Momento, Gazeta Serrana e Vitrine Lageana.

Professor de história e geografia, foi também presidente da Associação de Moradores do bairro Frei Rogério e membro do Conselho Municipal de Esporte. Em 2020 Celso Aurélio completará 40 anos de atuação na imprensa, sendo o mais antigo cronista esportivo em atividade na cidade de Lages. O troféu de 2º lugar geral leva o nome de Rogério Amarildo Pereira (popular Bichinho), desportista do bairro Popular.

O troféu 3º lugar geral Nelson Krause homenageia o presidente do Esporte Clube (E.C.) Dom Daniel. Nelson Krause nasceu em Petrolândia em 1º de outubro de 1958. Mudou-se para Lages em 29 de setembro de 1979. Casou em 16 de fevereiro de 1991, com Therezinha Krause, com quem teve três filhos – Paulo, Cezar e Roberta. Todos, desde pequenos, sempre acompanharam o pai nos jogos e em torneios, assim despertando sua paixão pelo futebol.

Sempre atuando nos jogos da cidade, disputou várias competições entre bairros. Por incentivo de amigos, fundou junto ao então amigo Irozolte de Souza, o Esporte Clube Dom Daniel, em 10 de fevereiro de 1992, permanecente até hoje.

Contribuiu para a formação de vários jogadores, vários deles iniciaram no Clube ainda criança pelo time infantil. Vários destes até hoje vestem a camisa da equipe. As paixões pelo futebol e pelo bairro a cada dia aumentam, levando o nome de ambos a campeonatos pela região.

Bola rolando nos gramados Lages afora

O futebol de campo continua ocupando posto especial por ser a febre entre a maioria dos atletas. Do total de aproximadamente cinco mil atletas dos Jocol, em torno de dois mil são do futebol dos gramados. Para as séries A e B foi aberta a participação de 24 equipes em cada uma, e para a Série C o máximo de 32 equipes.

De tudo um pouco com agenda repleta

Neste ano de 2020 os Jocol terão a inclusão da modalidade de futebol sete 50+, contemplando uma faixa etária que não possui número expressivo de competições. E além da paixão nacional, agradando gremistas, colorados, corintianos e flamenguistas, entre outras “nações”, os Jocol lançam oportunidades para homens e mulheres que são admiradores e praticantes de futsal; futebol suíço +40 e +50; bocha; bolão 23 misto (dupla); handebol; vôlei; basquete; tênis de mesa; tranca; dominó; truco e xadrez, bem como o Jocolzinho, com competições de futebol sete (de 12 a 15 anos), em maio, e futebol de campo (14 a 22 anos), em agosto, e dos Jogos Escolares de Santa Catarina (Jesc) para atletas de 12 a 14 e de 15 a 17 anos de idade, estes em data a ser definida pela Federação Catarinense do Esporte (Fesporte).

As disputas do futsal masculino, com 64 equipes no máximo, irão estrear a edição dos Jocol 2020, no dia 16 de março. As séries B e C do futebol de campo e futebol suíço no dia 21 deste mês, e a Série A no dia 20 de junho. Portanto, as disputas dos Jocol começam no dia 16 de março e terminam em 22 de agosto. A agenda completa pode ser acompanhada na Galeria de Imagens desta matéria. Tradicionalmente, a festa de premiação dos campeões gerais e mais homenagens acontece no final do ano, fechando mais um evento esportivo com brilho e maestria.

Texto: Daniele Mendes de Melo

Fotos: Daniele Mendes de Melo, Ary Barbosa, Rafael Araldi