//Obra de ampliação do Hospital Tereza Ramos chega a 90%

Obra de ampliação do Hospital Tereza Ramos chega a 90%

Uma das instituições públicas de saúde mais tradicionais de Santa Catarina está prestes a se tornar também uma das mais modernas. Maior investimento individual na saúde pública do Estado, com recursos de R$ 100 milhões do Governo do Estado, a obra de ampliação do Hospital Tereza Ramos, em Lages, chega neste momento a 90% e conta com o trabalho de 100 profissionais diariamente.

Com 74 anos de existência e mais de seis milhões de atendimentos realizados ao longo da história, o Hospital Tereza Ramos, de Lages, ganhará mais 122 leitos (92 de internação e 30 de UTI), serviços de urgência e emergência, centro de diagnóstico por imagens, centro cirúrgico e heliponto para agilizar o transporte aéreo de pacientes.

A construção do prédio já está pronta, inclusive com os elevadores, janelas, vidros e as instalações elétricas e hidrossanitárias (água e esgoto) e gases medicinais.  O sistema de climatização também está concluído. Funcionários trabalham na instalação de cabos, e na colocação do piso específico do centro cirúrgico, além da instalação de corrimões, e detalhes da pintura interna. O estacionamento, a urbanização e o paisagismo do pátio serão contemplados na última etapa da obra.

Na sequência, serão instalados no primeiro andar os móveis, que foram adquiridos mediante licitação, e já chegaram. A passarela social já está concretada, faltando apenas a instalação das paredes laterais e a cobertura. A passarela de serviço deverá ser instalada na próxima semana. Nesta semana, os funcionários concluíram o bloco, de concreto, que servirá de alicerce para o pilar de sustentação da passarela. “São necessários sete dias para a cura do bloco de concreto”, explica tecnicamente, o engenheiro residente Eduardo Tigre.

A ampliação beneficiará 800 mil pessoas de 67 municípios catarinenses que encontram no HTR um centro de referência e excelência nos serviços de alta complexidade em cirurgia bariátrica, gestações de alto risco, infectologia, tratamento de queimados e oncologia.

“As obras estão dentro da normalidade e cada vez mais fica a certeza de que o Hospital Tereza Ramos será um dos maiores e mais modernos do Sul do Brasil”, completa o secretário da Agência de Desenvolvimento Regional (ADR) de Lages, João Alberto Duarte.