//Droga foi motivo de homicídio no Copacabana

Droga foi motivo de homicídio no Copacabana

A Polícia Civil, através da Divisão de Investigação Criminal (DIC) de Lages, em menos de 24 horas esclareceu o homicídio ocorrido no último dia 06 de dezembro de 2018, as 03h00, no Centro de Lages, onde a vítima GABRIEL DE OLIVEIRA DE MATOS foi executada com um disparo de arma de fogo na cabeça.
Após intenso trabalho de investigação a equipe da DIC de Lages identificou os executores, sendo dois menores de idade, um com 16 anos e o outro com 15 anos. O menor de 16 ano foi inquirido e confessou a autoria do crime, confessou ter sido o executor do disparo que causou a morte da vítima. A justiça decretou a internação provisória dos dois adolescentes no dia 07 de dezembro de 2018, data em que foi aprendido o adolescente de 16 anos. O segundo adolescente encontra-se foragido em local incerto. Autores e vítima são envolvidos com entorpecentes e conviviam na mesma região e meio social. Após a apreensão do adolescente de 16 anos, ele foi recolhido no CASEP de Rio do Sul.

Com informações da Polícia Civil.